Exposição digital de Art Nouveau na Europeana

Desde o mobiliário doméstico e a arte decorativa, até a arquitetura e a propaganda, as linhas curvas e temas florais do Art Nouveau – também conhecido como Liberdade de Estilo ou Jugendstil – invadiu todas as capitais européias por volta de 1900, trazendo uma nova elegância à vida urbana. Um século depois de seu surgimento, esse estilo sempre presente está sendo celebrado na primeira exposição virtual do site Europeana. A exposição estará disponível em  Europeana.eu ao final de setembro. Essa mostra interativa reunirá pôsteres, esculturas, fotografias e desenhos Art Nouveau provenientes de dúzias de instituições culturais em 17 países europeus. Os pôsteres de Alphonse Mucha e Manuel Orazi serão exibidos juntamente com fotografias dos florescentes quadros de Gustav Klimt e das ilustrações de Aubrey Beardsley. As histórias dos artistas e as tendências da época também serão reveladas, em uma narrativa que acompanhará as imagens.

texto completo em inglês:

From domestic furnishings and decorative art to architecture and advertising, the curved lines and floral themes of Art Nouveau – also known as Stile Liberty or Jugendstil – swept through every European capital around 1900, bringing a fresh elegance to urban life. A century after it first emerged, this enduring style is being celebrated in Europeana’s first virtual exhibition, set to go live on Europeana.eu at the end of September. The interactive display will unite Art Nouveau posters, sculptures, photographs and designs from dozens of cultural institutions in 17 European countries. In a single space, visitors will be able to easily compare the best digitised works from the Art Nouveau era. The poster work of Alphonse Mucha and Manuel Orazi, will be placed alongside photographs of flowing fashions designed by Gustav Klimt and the illustrations of Aubrey Beardsley.  The stories behind the artists and the trends of the time will also be revealed in a narrative accompanying the images.

The exhibition is not only a tribute to Art Nouveau. It also illustrates how digitisation can be used to bring geographically distant items together in one publicly accessible space such as Europeana, offering a new way to discover Europe‘s shared heritage.

fonte: europeana.eu

Anúncios

Sobre fnaxbuzios

Na Arte, faço de tudo um pouco: desenho, pinto, faço cerâmica. Cometo minhas poesias e contos. Sou tradutor de artigos científicos e livros da área médica. Fiz algumas exposições de cerâmica e desenhos no Rio de Janeiro, Niterói, Búzios, Rio das Ostras e São Paulo. Um livro publicado (em co-autoria): "O Ensino de Primeiro Grau". Artigos em jornais daqui de Búzios. Formado em Pedagogia da Arte e em Medicina Veterinária (por isso, dei muita aula de Educação Artística, sobretudo Cerâmica, e trabalhei bastante como veterinário de campo). Ex-professor universitário - na cadeira de Composição II de Arte na Faculdade de Arte do Centro Educacional de Niterói, e de Bioquímica e Fisiologia em algumas Faculdades do Rio de Janeiro. Mestrado (ainda não defendido) de Patologia Experimental pelo Departamento de Patologia Clínica do Hospital Universitário Antônio Pedro - Niterói / Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - Universidade de São Paulo. Vivo aqui no paraíso de Búzios há 12 anos... na Marina da Praia Rasa. Rubronegro doente. Amo o Rock Clássico. E o Carnaval. Um enorme orgulho profissional: ter sido Diretor Carnavalesco da Escola de Samba Combinados do Amor, a gloriosa agremiação do bairro do Caramujo, em Niterói... Meu bloco carnavalesco para sempre: "Filhos da Pauta", também de Niterói. Sou Cidadão Buziano diplomado. Sou membro da Academia de Letras e Artes Buziana. Meu projeto atual: estou envolvido na edição de meus contos e poesias em forma de e-book (antes da edição em papel...) e numa exposição de desenhos e guaches a ser realizada em breve no Rio de Janeiro e, aproveitando o embalo, em outra, cá em Búzios e em Cabo Frio (simultâneas), só de esculturas de barro. Hoje em dia, pertenço ao Conselho Editorial e escrevo de vez em quando no Jornal Primeira Hora, único diário de Búzios. E, vez por outra, vou conversar um pouco sobre cultura e otras cositas más no programa Bom Dia Búzios, na rádio Búzios-Cabo Frio AM1530, de 10 ao meio-dia, quartas e quintas. Frase para me definir: odeio incondicionalmente qualquer tipo de preconceito. Adoro minha praia Rasa, onde vivo, sou da noite, sou festeiro, e meu Triângulo das Bermudas é o eixo Rio - Niterói - Búzios. Meu maior vício é conversar (sempre! muito!...) com as pessoas - jogar conversa fora, filosofar, falar sobre cultura, rir... Objetivo maior: viver o momento presente, todos os momentos da minha vida. Profissão de fé: amizade acima de tudo! "Leia poesia... não dói, não engorda, e é de graça. Além disso, faz pensar e exercita os músculos cerebrais."
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s